Test Driver Deck Cyberse

Escrito por CyberseTeamBR
Publicado em 28/11/2018
65 Visualizações, 0 Comentários.

Deck Cyberse - Casual

Em dúvida se o deck é forte ou se vale a pena comprar? Nós montamos o deck, organizamos um torneio e fomos jogar com ele. Os resultados estão logo a seguir, no final teremos uma pequena avaliação geral do deck.

 

O Formato do torneio

Adotamos o formato usado tradicionalmente em campeonatos de futebol onde cada time enfrenta todos os outros. Logo, não poderiam ser muitos jogadores ou ficaria impossível fazer todas as matchs em um único dia. Tivemos então 6 participantes que deveriam enfrentar todos os outros em 5 rodadas.  Assim como no campeonato brasileiro, o campeão seria decidido por pontos corridos. Cada duelo vencido valendo 1 ponto.

 

Os Decks participantes

Por não ser justo confrontar o Cyberse com o meta, convidamos jogadores que possuíssem decks equivalentes (ou não). Aceitaram nosso convite: Shinobird, Cyber Dragon, Blue-Eyes, Fire King, Cyberse e DarkGaia OTK.

 

Rodada 1 – Cyberse x Shinobird

Nossa primeira match foi contra um deck focado em invocação ritual, cuja principal estratégia é invocar Amano-Iwato  direto do deck para o campo pelo efeito da Shinobaron Peacock  , equipar o Amano-Iwato  com Moon Mirror Shield  e controlar o campo pois os efeitos de monstros do oponente não podem ativar e o Amano-Iwato  não pode ser destruído por batalha graças à proteção da Moon Mirror Shield .

Isso foi exatamente o que aconteceu no primeiro duelo, e sem poder ativar efeitos de monstros simplesmente não tinha como passar por cima do Amano-Iwato . Perdemos.

No duelo seguinte jogamos primeiro e fizemos um campo sólido, o Shinobird aparentemente "bricou", setou uma carta e passou, no nosso turno fizemos Tri-Gate Wizard, banimos a carta setada e vencemos por OTK. Terceiro duelo conseguimos proteger todos os nossos monstros de serem alvo de efeitos graças à Honeybot , porém o Shinobaron Peacock quando entra retorna monstros para a mão sem dar alvo, dessa forma perdemos.

 

Rodada 2 – Cyberse x Cyberse

Mirror match de Cyberse é bem interessante, por conta das diferentes builds possíveis. O Cyberse que enfrentamos era puro link e fazia os mesmos combos que nós, o diferencial que nos colocou um pouco à frente foi o uso da variação ritual e fusão. Os duelos foram bem acirrados com Encode Talker  atrapalhando para os dois lados, mas conseguimos invocar o Cyberse Magician  que possui vantagem natural contra monstros links e vencemos.

Rodada 3 – Cyberse x DarkGaia

Enfrentamos um deck que não fazíamos ideia de como funcionava, mas aprendemos rapidinho, a ideia é utilizar Dystopia the Despondent  e Valkyrion the Magna Warrior  como matéria de fusão para criar Evil HERO Dark Gaia com 8.500 de ataque. Mas contra Cyberse estratégias baseadas em poder de ataque não são tão efetivas. O primeiro Evil HERO Dark Gaia  que atacou ficou com o ataque zerado graças ao Linkuriboh que deixamos no campo por precaução justamente por não conhecer o deck rival. Graças a Encode Talker ser capaz de “roubar” ataque, jogamos tranquilos e vencemos sem grandes dificuldades.

Rodada 4 – Cyberse x Fire King

Logo no primeiro duelo Fire King trouxe Fire King High Avatar Garunix com a Onslaught of the Fire Kings  e destruiu um Fire King Avatar Yaksha  com a Fire King Island  para trazer outro Fire King High Avatar Garunix , que foi destruído pelo efeito do Fire King Avatar Yaksha. No turno seguinte começou o loop de destruir todos os monstros no campo em cada fase de apoio. Combamos o máximo possível e conseguimos fazer o Cyberse Clock Dragon com 10.500 de ataque, batemos no Fire King High Avatar Garunix que tem 2.700 mas o oponente ainda sobreviveu com 200 de vida, no turno seguinte o loop destruiu o Cyberse Clock Dragon e como não tínhamos mais recursos pra voltar ao jogo, perdemos. No duelo seguinte tivemos nossas jogadas interrompidas por Bottomless Trap Hole e Debunk , não conseguimos fazer nosso campo e fomos pro brejo.

Rodada 5 – Cyberse x Blue-Eyes

Contra Blue-Eyes apostamos que Encode Talker  Co-linkado com Knightmare Cerberus  seria o suficiente para ultrapassar o poder de ataque dos dragões e não ser destruído pelo efeito do Blue-Eyes Alternative White Dragon , mas inteligentemente nosso rival usou a fusão Blue-Eyes Twin Burst Dragon  para remover o Encode Talker do jogo, a pressão de enfrentar vários monstros com 3000 de ataque foi demais para o Cyberse. Vitória dos dragões.

O jogador de Cyber Dragon precisou sair mais cedo e por isso não o enfrentamos desta vez.

 

Resultado

Bem, terminamos em 3º lugar, a medalha de ouro foi para o Blue-Eyes e a prata para o Fire King. No geral nós gostamos bastante da experiência, o deck Cyberse peca em não possuir monstros que tirem recursos do oponente e o Tri-Gate Wizard  é a única negação de efeito do deck.

Conclusão

O deck é muito justo em relação a custo benefício, pelo preço pago por ele os resultados são bem relevantes, não é novidade para ninguém que um trio de Blue-Eyes Alternative White Dragon  já é bem mais caro que o deck Cyberse completo, então não tem motivos para exigir tanto do deck. Nossa recomendação é: não compre o deck achando que vai topar em torneios grandes, nem pague inscrição para jogar torneios locais com ele pois a chance de lucro é muito baixa, mas ele é um deck bem legal para passar um final de semana agradável com os amigos.

Por hora ficamos por aqui, mas próximo final de semana tem mais, aguardem...

ps: alguns desses duelos foram gravados e poderão ser assistidos em nosso canal no youtube em breve: CyberseTeamBR  se inscrevam para serem avisados quando os vídeos dos duelos forem publicados. Até mais galerinha.

Comentários