YCS Brasil: Quais são os Deck favoritos para vencer?

Escrito por CyberseTeamBR
Publicado em 12/11/2018
111 Visualizações, 0 Comentários.

Como vocês devem saber, o YCS (Yu-Gi-Oh! Championship Series) no Brasil, será disputado nos dias 17 e 18 de Novembro em São Paulo. Esse sem dúvida é um dos principais eventos do ramo, e é a porta de entrada para que você possa participar do WCQ (World Championship Qualifying) e representar seus país no campeonato mundial.

Então é de se esperar que os melhores duelistas do país se encontrem durante esses dois dias para jogar cartinhas. São esperados entre 600 e 2.000 duelistas (segundo estimativas da Konami). Mas, um pouco aquém disso, qual serão os Decks favoritos para vencer essa competição? Vem comigo, e vamos fazer uma rápida análise aqui no MYP!

6º Lugar: Trickstar - Um Deck que acabou sendo, mesmo que indiretamente, afetado pela Banlist. Trickstar sem dúvida continua sendo um Deck muito forte, mas muito vulnerável a handtraps, ao mesmo tempo em que é muito réfem delas. Possui um dos combos mais fortes do jogo, que usa Droll & Lock Bird e Trickstar Reincarnation para deixar o oponente sem mão. E pode ser essa vertente que cause mais dor de cabeça no Meta. Além disso, seu burn, depois de constituido é muito forte, e com poucos turnos, pode "matar" o oponente. Porém ele é um Deck quem tem dificuldade contra qualquer outro Meta do formato atual, e por isso corre por fora e é somente o sexto lugar da lista.

5º Lugar: Burning Abyss Sekka - Um Deck clássico e que se renovou. Meta em 2014, e por longos anos, esse Deck continua sendo forte e super consistente, principalmente com a chegada da Sekka's Light, que deu uma nova cara para ele. Mas o Deck ainda passa muito longe do que ele realmente foi no passado, apesar de ainda ser um Deck com respostas para quase tudo por conta de seus efeitos de Cemitério, e ser um dos poucos Decks que realmente se aproveite muito do efeito do Borrelsword Dragon. Mas apesar disso, tem uma Match fraca contra Danger! FTK, Altergeist Silquitous e Sky Striker, mas se sai muito bem contra Thunder Dragon. Fica com o quinto lugar da lista.

4º Lugar: Altergeist - Na linha tênue entre os Tier 1 e 2, está o Altergeist. Esse Deck é bem curioso. Era extremamente irrelevante até a Circuit Break, mas com a chegada da Extreme Force e Flames of Desctruction e com o Altergeist Multifaker, ele se tornou um Deck muito forte e chegou a dominar o Meta. Porém, não recebeu mais suportes depois disso, o que acabou deixando ele um pouco mais "ultrapassado" em relação aos outros. É um Deck muito bom indo primeiro, já que sua interação acontece no turno do oponente, mas ao mesmo tempo ele é muito ruim contra Sky Striker e Danger! FTK. Consegue ir bem contra o Thunder Dragon, mas depende de um mão boa para isso. É um Deck que precisa ser moldado para vencer esses Decks com floodgates e cartas de side, porque naturalmente, sozinho é algo que ele dificilmente consegue. Por isso, fica com o quarto lugar da lista.

3º Lugar: Thunder Dragon - O Deck mais recente do Meta. Chegou para o ocidente a poucos dias, na coleção Fusão da Alma. Possui um estilo de jogo simples, mas que não deixa de ser forte. Seus monstros ativam seus efeitos quando banidos, então Gold Sarcophagus é uma das cartas chave para esse Deck. Além disso suas Fusões são muito fortes e entram em campo muito fácil, gerando um Lock onde o oponente não pode adicionar cartas para mão, além de destruir cartas do oponente cada vez que um efeito for ativado na mão. Por esse motivo, tem uma Match muito boa contra Sky Striker, mas peca por ter somente uma jogada característica e por não ser tão consistente, o que faz com que esse Deck fique em terceiro lugar.

2º Lugar: Danger! FTK - Um Deck perigoso. O trocadilho se fez necessário. Não é um Deck Danger! por si só, e sim um Deck que usa-os como engine, juntamente com Dark World e o Cannon Soldier para gerar spam e Draw praticamente infinitos em campo, tendo recurso para causar dano por efeito e vencer o duelo. É muito difícil de ser parado na Match 1, justamente pelo fato de grande maioria dos Decks usarem Handtraps no side, por isso ganha grande vantagem contra Decks como Sky Striker ou Burning Abyss por exemplo, onde o uso de Handtraps quebra um pouco a consistência. Tem uma Match ruim contra Thunder Dragon caso jogue em segundo, mas bricka menos, e é um pouco mais versátil, por isso fica com o segundo lugar.

1º Lugar: Sky Striker - Esse é um Deck bastante problemático, e já vem desfilando na passarela do meta a algum tempo. Além de poder ser jogado puro, que é a build mais comum atualmente, eles também podem ser usados como engine em outros Decks, o que é prova da sua versatilidade e solidez. Apesar de só possuir um monstro de Main Deck (Sky Striker Ace - Raye), é um Deck que abusa de usar Spells para o controle de campo: Sky Striker Airspace - Area Zero e Sky Striker Mecha Modules - Multirole, como também para lidar com as mais diversas situações de duelo, podendo negar efeitos, destruir cartas, adicionar cartas à mão e diminuir ATK/DEF de monstros. Fica um pouco mais fraca por conta do formato FTK, já que necessita usar handtraps para pará-los, deixando um pouco de lado sua consistência, mas mesmo assim, se mantem em primeiro na lista.

Não deixe de ficar ligado no YCS nesse final de semana! Fique sempre de olho no Blog da MYP e no canal Cyberse Team BR no Youtube. Até a próxima galera, valeu!

Att, Cyberse Team BR

Comentários