Boletim dos Artesãos - Reprints em Falta | Magic

Escrito por
Publicado em 25/01/2021
84 Visualizações, 0 Comentários.

Olá e seja bem-vindos a mais um Boletim dos Artesãos, que, sem troca de auras, traz a você tudo o que de mais importante acontece no mundo de Magic: the Gathering. A mais nova coleção do Magic, Kaldheim já foi completamente revelada, mas hoje, ao invés de focarmos no que há de interessante no set, com fizemos nas últimas semanas, daremos atenção a um aspecto que ficou ausente. Além disso, tivemos mais um Estado do Jogo do Magic Arena e o Magic voltando a se aventurar no mundo das comics. Vamos às notícias!

Reprints Decepcionantes

Kaldheim, como toda boa coleção de magic é muito impressionante com seus novos temas, mecânicas e cartas, como você mesmo pode ver aqui. No entanto, um aspecto claramente decepcionante da nova coleção são os reprints, ou a falta deles.

Com exceção dos terrenos básicos normais e dos terrenos básicos nevados Kaldheim conta com apenas 8 reprints, um número muito pequeno comparado a Ikoria, 32 reprints, e Theros: Além da Morte, 22 reprints, mas bem parecido com o de Renascer de Zendikar, que teve apenas 10 reprints.

Não há nada de mal em incluir poucos reprints em uma coleção, afinal elas tem um número de cartas limitados, e com tantos outros aspectos novos para se encaixar é natural que os reprints percam espaço. No entanto, mais do que simplesmente a quantidade de reprints Kaldheim também pecou na qualidade deles.

Reprints de Kaldheim

Todos os 8 reprints de Kaldheim são comuns e apenas 1 deles, Anular, não está disponível no Arena, ou seja, a esmagadora maioria teve impressões recentes. 2 dos reprints, Ritos da Vila e Revitalizar, são de cartas que já estão no Standard e estendem a legalidade das mesmas em mais um ano e 2, Golpe Desdenhoso e Planejamento Estratégico, são cartas que já viram jogo moderado no passado em diferentes arquétipos. O restante, metade dos reprints, foi incluído como peças apenas para o Limitado.

Esses números são extremamente tímidos e contradiz a ótima tendência que vimos no ano passado, de que as coleções tinham no mínimo 1 reprint de grande relevância. Renascer de Zendikar, por exemplo, trouxe Cobra de Lótus. O retorno a Theros trouxe Tutor Idílico e o ciclo de Templos aliados. Até mesmo a Coleção Básica de 2021, um set em que reprints já são esperados, foi além trazendo Ugin, o Dragão Espírito e Tutor Sinistro. Apenas Ikoria não teve reprints relevantes no ano passado.

Reprints de 2020

Tendo o Magic como um jogo sempre crescente e o Commander como o formato mais popular a política de reprints da Wizards se tornou mais importante do que nunca para que as cartas estejam acessíveis para os novos jogadores. E parte disso é incluir onde for possível reprints de qualidade, incluindo as coleções para o Standard.

A falta de reprints em Kaldheim é ainda mais preocupante considerando que não teremos uma Coleção Básica em 2021, com o espaço sendo usado para o crossover com Dungeons & Dragons. Isso pode significar que os espaços já limitados para reprints estejam ainda menores neste ano.

Reprints são ferramentas poderosas para a acessibilidade do jogo e também têm valor em termos de experiência para os jogadores, adicionando um fator nostalgia de voltar a usar cartas do passado do jogo. Dessa forma, esperamos que Kaldheim seja a exceção do ano nesse aspecto, assim como foi Ikoria no ano passado.

Grandes Lançamentos do Arena

Na quinta feira foi publicado mais um Estado do Jogo do Magic Arena, que detalhou os dois grandes lançamentos para a plataforma que acontecem neste mês, Kaldheim e o lançamento do jogo para dispositivos Android.

Para a coleção o mais importante é a implementação dos elementos mecânicos que são novos à plataforma. Para as cartas com mecânica Profetizar, ao conjurá-las, você verá duas opções, semelhante ao que estamos acostumados com as cartas MDFC e a mecânica Aventura.

Profetizar no Arena

A captura de tela disponibilizada no artigo também mostra um layout diferente para o nome/rank e ampulhetas disponíveis para os jogadores, mas nenhuma nota sobre isso foi publicada.

Para as cartas da neve o mais importante é como o jogo vai seguir a mana gerada por cartas desse tipo. Quanto à isso podemos ficar tranquilos pois um floco de neve vai aparecer como um indicativo visual para mana de neve que estiver em sua reserva. Ainda sobre os terrenos básicos da neve, eles estarão disponíveis para todos os jogadores para o jogo Construído. No Limitado é outra história. Os únicos terrenos nevados disponíveis no Draft e Selado serão aqueles que vierem nos boosters, então fiquem atentos!

Neve no Arena

Passando agora para o lançamento para Android, ele está agendado para 28 de janeiro e requer dispositivos de nível mais alto, como cobrimos aqui.

Em termos de gameplay o aplicativo para Android foi desenvolvido para que as ações sejam naturais tanto para quem já joga no computador quanto para novos jogadores. As ações de selecionar, cliques no computador, são toques nas telas dos dispositivos mobile, e as ações de clique-e-arraste são toque-e-arraste.

Em termos de layout, a proporção e posição de alguns itens, comos os avatares, foi ajustada para a tela menor dos dispositivos mobile. Além disso as cartas na mão do jogador se comprimem em alguns momentos de gameplay para permitir uma melhor visão do campo de batalha.

Arena no Android

A maioria das funcionalidades do Arena no computador estão disponíveis no celular. As exceções são o sideboard disponível enquanto se realiza um Draft, funções sociais (lista de amigos e mensagens) e a capacidade de ativar códigos na loja do jogo. Todo o resto deve estar funcionando!

Qualquer dúvida não hesite em contatar a equipe de suporte e a conta oficial do Magic Arena no Twitter!

Magic de Volta às Comics

Também na quinta fomos atingidos pelo anúncio surpresa de que a BOOM! Studios fechou acordo com a Wizards para a produção de uma nova linha de quadrinhos para o Magic: the Gathering, o primeiro deles se chamando simplesmente Magic, com lançamento mensal a começar em abril.

A sinopse de Magic nos situa em Ravnica onde tentativas de assassinato com alvo nos três planinautas líderes de guilda Ral Zarek, Kaya e Vraska acontecem. O trio parte então em busca dos assassinos e chega ao plano de Zendikar. Pela capa já revelada da primeira edição Jace também marcará presença na história, e também vemos Liliana, com o Véu Metálico, e Sorin, nas artes de capa variantes.

Detalhe da Capa de Magic #01

A equipe da publicação inclui Jed MacKay (Black Cat) no roteiro, Ig Guara (Ghost-Spider) nas artes, Arianna Consonni como colorista e Ed Dukeshire como letrista.

Como citado, a primeira edição já sai em abril deste ano. Torcemos para que seja um grande sucesso!

Assim acaba mais um Boletim! E você, também ficou decepcionado com os reprints de Kaldheim? Você tem um celular capaz de rodar o Arena? E quem acha que está por trás das tentativas de assassinato na nova comic Magic #01? Sinta-se livre para nos contar usando a seção de comentários. Você também pode nos alcançar por nossa página no Facebook, Twitter ou Instagram. Obrigado pela leitura.

Thiago Santos dos Artesãos do Magic

Comentários

Outros Produtos

  • FOLHA PARA FICHÁRIO - PRETA | Pasta / Portfólio

    FOLHA PARA FICHÁRIO - PRETA

    50 item(s) R$ 3.00
  • MAGIC THE GATHERING UNSANCTIONED | Caixa de Booster

    MAGIC THE GATHERING UNSANCTIONED

    1 item(s) R$ 230.00
  • Booster Avulso - Jumpstart | Booster

    Booster Avulso - Jumpstart

    4 item(s) R$ 29.90
  • Estrid, a mãe da mancada | Deck

    Estrid, a mãe da mancada

    1 item(s) R$ 2000.00
  • MTG Trono de Eldraine: Booster Box (36 boosters) - Portugues BR | Caixa de Booster

    MTG Trono de Eldraine: Booster Box (36 boosters) - Portugues BR

    1 item(s) R$ 549.90
  • Set de Energy (Energia) | Set

    Set de Energy (Energia)

    1 item(s) R$ 14.00