Cartas de Redução/Compactação Part. II | Yu-Gi-Oh!

Escrito por
Publicado em 16/01/2021
788 Visualizações, 0 Comentários.

 

 

Voltamos! Vamos dá continuidade ao assunto do artigo anterior, caso não tenha lido ele deixarei o link Aqui.

Vamos introduzir agora outra caracteristicas de cartas, as cartas de redução e compactação "Monstros", vamos falar um pouco dos exemplos a seguir e referencialos um pouco com as cartas do artigo anterior, para deixar nosso raciocínio mais organizado e deixar as coisas mais compreensíveis. Então vamos lá, sem muito rodeios. Primeiro vamos entender como uma carta de redução se comporta se tratando de monstros de efeito.

CardCar D

segue seu efeito primeiro para nossa explicação: 

Não pode ser Invocado por Invocação-Especial. Durante a sua Fase Principal 1, se este card foi Invocado por Invocação-Normal neste turno: você pode oferecer este card como Tributo; compre 2 cards e, depois, essa se torna a Fase Final deste turno. Você não pode Invocar por Invocação-Especial durante o turno em que ativar este efeito.

Vamos falar um pouco do exemplo mais simples como exemplo, em negrito está algumas informações importantes da nossa carta, tanto explícitos como implícitos no texto. Para se encaixar como uma carta de redução ou compactação, primeiro ela tem como princípio ter uma interação do deck, seja de compra, escavar, buscar, selecionar um alvo do deck e etc;. No texto exergamos isso explicitamente no objetivo da carta. Mas também com várias restrições explicitas, se tratando de monstros, todos os casos aqui envolve, implicito e explicito, já que tudo envolve cartas que não se encaixam em qualquer deck, como as mágicas que algumas são altamente genéricas e poderosas. Também são cartas conjuturais, então todas tem predominâncias de como cartas de conjunto, vamos retratar mais agora sobre elas. 

Destiny HERO - Disk Commander

 Comum pelo jogo ouvir falar de cartas que tiveram mudanças de efeito por conta de uma habilidade muito forte que tivera, parte desse princípio vamos entrar nessa discurssão aqui, com cartas conjuturais, segue seu efeito antigo:

Quando esta carta é invocado por invocação especial do Cemitério: Compre 2 cartas.

É um efeito incrivelmente simples, e sua condição tem quase nenhum obstáculo no jogo, na sua época de lançamento, fez com que seja uma das cartas mais fortes do jogo, e mais tarde foi banida dos torneios por conta da sua força. E lembrando, esse efeito não restringe quantas vezes pode ser utilizado. Vamos para o texto da Errata e entender como as mudanças no seu efeito colocou ela numa categoria mais aceita e justa no jogo.

Não pode ser Invocado por Invocação-Especial do Cemitério no turno em que este card foi enviado para o Cemitério. Se este card for Invocado por Invocação-Especial do Cemitério: você pode comprar 2 cards. Você só pode usar este efeito de "HERÓI do Destino - Comandante dos Discos" uma vez por Duelo.

No texto da carta agora com as mudanças, ela impõe uma restrição explícita, para ir ao seu objetivo de jogo, que é fazer a compra. Agora ela tem limitação de utilização, implicando ela ser usada somente uma vez por duelo, e a de obstruir sua invocação quando vai para o cemitério no turno que é enviada. O que implicitamente afastaria ela de cartas de reviver. Ficando assim condicionada a ser usada apenas quando está na mão ou deck.  

Lonefire Blossom

Vamos agora para um próximo exemplo, um pouco mais diferente, cartas de redução conjuturais buscadoras, como próprio nome diz, são cartas que empenham a busca de uma carta do deck, neste caso vamos ao texto, para entender melhor o conceito:

Uma vez por turno: você pode oferecer como Tributo 1 monstro Planta com a face para cima; Invoque por Invocação-Especial 1 monstro Planta do seu Deck.

Como podem observar, o texto da carta já deixa bem lógico sua função em decks de plantas, especialmente por sua habilidade de invocar um monstro do seu deck principal, essa redução faz implicitamente que você possa retirar do deck todas as Lonefire Blossom , porque o próprio texto não restringe sua busca, logo pode buscar si mesma e garantir uma redução com êxito e objetiva, Sendo possível que ela tenha poder de redução +3, ou -3 da sua possibilidade. Logo uma carta com efeito simples, poderosa e boa para exemplificar como exemplo de cartas conjuturais buscadoras, farei mais artigos sobre esse tópico futuramente.

Fantastical Dragon Phantazmay

Vamos para as complexidades agora, Fantastical Dragon Phantazmay  é uma carta poderosa, mas com sua utilidade funcional em cima de mecânicas próprias de jogo e invocação, no seu lançamento ela foi bastante popular, porque sua interação é em torno da mecânica/invocação Link, deste modo uma carta conjutural de mecânica. Vamos ao seu efeito:

Se seu oponente Invocar um ou mais Monstros Link por Invocação-Especial (exceto durante a Etapa de Dano): você pode Invocar este card por Invocação-Especial da sua mão, comprar cards igual ao número de Monstros Link que seu oponente controla +1 e, depois, embaralhar cards da sua mão no Deck igual ao número de Monstros Link que ele controla. Quando seu oponente ativar um card ou efeito que escolha como alvo um ou mais monstros que você controla (Efeito Rápido): você pode descartar 1 card; negue a ativação e, se isso acontecer, destrua-o. Você só pode usar cada efeito de "Dragão Fantástico Fantazmei" uma vez por turno.

 O texto todo praticamente cita monstro "Link" ou "invocação de monstros "Link", deste modo, fica claro que seu funcionamento está em torno da mecânica explicitamente. Não vamos discutir o outro efeito, que também é um ótimo efeito. Mas vamos falar um pouco do efeito da essência da carta, de se invocar da mão e reduzir cartas do deck, também conhecido como cartas de retorno e redução que irei abordar no próximo artigo. Voltando ao efeito da carta, vemos que para o efeito dela se ativar, primeiro espera-se uma resposta do oponente, uma carta reativa, cartas de reação. Nesse contexto, sua dominância de monstro link, faz com que o básico do seu efeito é o conceito que falei agora a pouco uma carta de mecânica de invocação. 

Pretendo estender mais essa série, num próximo artigo, espero que essa leitura contribua e que seja compreensiva de como as cartas do jogo funciona, e façamos mais breve possível a continuidade da parte 3, explicando outros conceitos legais para vocês, nesse me dediquei aos monstros, e falar um pouco como cartas de conjuntos são de base monstros, e todos com implicações explícitas e implícitas. Até a próxima!

Comentários

Usamos cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência. Ao navegar neste site, você concorda com os nossos termos de uso.