Report Internacional da América Latina de Pokémon TCG | Pokémon

Escrito por
Publicado em 08/05/2018
910 Visualizações, 2 Comentários.

Report do intercontinental de Pokémon tcg da América Latina

 

Olá, primeiramente queria me apresentar, sou Giovani Rossato e jogo Pokémon competitivo a 2 anos e venho aqui hoje para fazer meu report sobre o último intercontinental da América Latina que aconteceu em São Paulo no final do mês de Abril.

No primeiro dia, pra ser mais exato no dia 26/4 (quinta-feira), todos os participantes deveriam fazer seu check-in no evento e retirar seu kit treinador, que acompanha um playmat, deck box, pin, crachá e uma ultra ball foil especial do evento. Logo na fila o nervosismo já aflora.

Finalmente o grande dia chega, dia 27/4 (sexta-feira). A escolha do meu deck foi uma lista bem clássica de buzzwole com lycanrock, escolhi essa lista por gostar de decks mais agressivos, mas principalmente pela sua consistência, que faz toda diferença num torneio de 9 rodadas. Sem mais delongas vamos as rodadas

1° rodada: Facundo Facio [AR], primeira rodada enfrentei um deck de zororock com uma cópia de buzzwole, uma partida bem disputada, não consegui desenvolver muito o jogo em nenhuma das duas partidas sendo elas decididas nos últimos 2 prizes e infelizmente ele estava na vantagem, 2 a 0 para oponente. (0/1/0).

2° rodada:  Eder Jefferson Xavier Küster Junior [BR], nessa rodada peguei uma partida quase impossível de ganhar, um atacking hoopa, partida dificílima, mas o deck mostrou sua consistência e agressividade, me garantindo a vitória. (1/1/0).

3° rodada: John Billinger [CA], finalmente uma partida tranquila, enfrentando o Ho-oh kiawe do canadense, encaixando todos os max elixir e nocauteando tudo, mais uma vitória. (2/1/0).

4° rodada: Thierry Silva [BR], por incrível que parece essa partida mais um Ho-oh, mas um pouco diferente ele usava garbodor, felizmente ele demorou pra setar os garbodores e deu uma zicada, isso me deu muita vantagem e isso continuou na segunda partida, mais uma vitória e isso só aumenta a tensão e expectativa de que daí pra frente só enfrentaria jogadores formidáveis nas mesa mais altas. (3/1/0)

5° rodada:  Isaac Salazar [CL], primeira mirror da partida, eis que abro a partida com 1 buzzwole e mil energias na mão, traduzindo... donk com 10 minutos de partida, fomos sorteados para deck check e nos deram mais 10 minutos por isso, segunda partida bem disputada os dois decks rodando horrores, mas por descuido meu tomei uma decisão errada que me custou a partida. (3/2/0)

6° rodada: Victor Leite [BR], partida bem disputada contra um deck de zorocario, vulgo lukitas kkk, primeira partida consegui acertar o último lycanrock pra finalizar a partida, segunda rodada ele saiu muito na frente levando 2 buzzwole com Mew-Ex, fomos pra terceira partida, e infelizmente o oponente forçou o empate, o sonho do top 32 já havia terminado por ali. (3/2/1)

7° rodada: Eduardo Romanelli [BR], essa fera estava no seu primeiro ano na máster e já tinha um bom histórico, um cara muito gente boa e que joga muito, e estava de espeon garbodor, mas eu havia treinando muito essa partida e ele deu uma zicadinha, me garantindo mais uma vitória, o top 64 ainda estava de pé. (4/2/1)

8° rodada: Sebastian Rojas Narbona [CL], mais uma mirror match, muito disputada, mas não esperava um casal de mew baby, que fez a diferença na partida, agora já não havia mais esperança de pegar um top decente. (4/3/1)

9° rodada:  Esteban Chocano [CL], finalmente a ultima rodada do torneio, os chilenos estavam querendo me afundar, e conseguiram, essa foi de longe a partida mais ingrata da minha vida, primeira partida abro com 2 buzzwole e a mão lotada de energias apenas, e dou de cara com um vikabulu, partida muito difícil e pra piorar não faço nada, uma energia na frente distribuindo dano e energizando a trás, mas nada de supporter, e acabei sendo donkado, terrível, mas não para por ai não, segunda partida começo de mew baby, só, apenas só, dou uma cynthia e nada de novo, passei, ele fez a mesa e bateu 30 no mew, eu ainda tinha esperança, comprei um N do turno e fui na fé, o sangue chega vazar pelos olhos quando vc compra várias cartas e na acontece de vir absolutamente nada, mais um donk e mais uma derrota esmagadora e vergonhosa, fim de torneio pelo menos com frag positivo kkk, mas muito triste. (4/4/1)

Apesar de toda essa zikizira do capiroto, foi um torneio sensacional, jogar um torneio dessa magnitude é um prazer enorme e muito emocionante sentar ao lado dos jogadores que mais admiramos, exceto na última rodada né kkk.

A estrutura do evento estava excepcional, com stream oficial com alguns dos melhores comentaristas do mundo. Reencontrar os amigos que a muito não via pela distância é a melhor parte, a risada é garantida, também por fazer novas amizades, essa é a essência principal do jogo, a união de todos é muito grande e isso impulsiona o jogo mais e mais.

Queria agradecer primeiramente a Deus, depois a todos os envolvidos direta e indiretamente, aos companheiros que treinaram madrugadas afora todos os dias antes por pelo menos um mês antes do torneio, agradecer a minha namorada por dar suporte e entender o quanto isso significa pra mim e por deixar comparecer aos treinos kkk, um agradecimento especial ao Trento, que ficou na prize wall, queria agradecê-lo, porque ele me disse uma coisa que fez toda a diferença no torneio, disse que se não estivermos lá pra fazer nossa própria alegria, ninguém mais a faria. E durante todo o torneio dava seus votos de fé pra nós. E sem deixar de lado o fato de que o titulo ficou no Brasil!

Por fim queria agradecer a MYP por ceder o espaço e por dar todo o suporte que vem dando para mim, sempre dando toda força e incentivo. Abraços e até uma próxima!

Lista que utilizei para ficar na 247º posição

Comentários

lfgcampos comentou em 10/05/2018 10:07:59

Muito bom!!! Parabéns pelo resultado =)

usuarioinativo246 comentou em 09/05/2018 07:06:10

SHOW!

Usamos cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência. Ao navegar neste site, você concorda com os nossos termos de uso.