Boletim dos Artesãos - Romão Vence a Divisão Pérola

Escrito por artesaosdomagic
Publicado em 12/08/2019
259 Visualizações, 1 Comentários.

Sejam bem vindos a mais um Boletim dos Artesãos, que engloba tudo o que de mais importante aconteceu no mundo de Magic: the Gathering na última semana. Estamos na calmaria antes da tempestade, já que dois dos principais formatos competitivos, o Modern e o Standard, estão aguardando acontecimentos para as próximas semanas. O Modern aguarda mais um anúncio de Banidas & Restritas com os olhos sobre Hogaak, Necrópole Erguida. Já o Standard vive a expectativa do lançamento de Trono de Eldraine, com preview começando logo logo. No entanto, isso não significa que nada aconteceu, então vamos às notícias.

Carlos Romão Vence a Divisão Pérola da MPL

Essa semana aconteceu a disputa do primeiro Top 4 de divisão da Magic Pro League na Etapa Básica. Todos os competidores da Divisão Pérola se enfrentaram para decidir quais seriam os classificados para o mata-mata, mas no fim Márcio Carvalho, Carlos Romão, Autumn Burchett e Andrew Cuneo conseguiram avançar para a disputa de sábado.

O brasileiro e o português chegaram ao sábado com campanhas similares. Ambos jogadores escolheram o deck Orzhov Vampires para a fase classificatória e terminaram com um recorde de 5-2, sendo que Romão perdeu sua partida contra Carvalho nessa fase. Com o sucesso os dois decidiram repetir a escolha de decks para o Top 4.

Do outro lado Cuneo e Burchett decidiram ser um pouco mais ousados. Burchett, que também pilotou Orzhov Vampires nas classificatórias para uma campanha 4-3, deciciu trocar para o Mono-Red Aggro no Top 4. Cuneo foi o que mais se diferenciou dos demais, jogando com um Dimir Control na etapa de todos contra todos também para um record de 4-3. Para o Top 4 ele deciciu dar uma virada radical e escolheu o deck Boros Feather.

Com o Top 4 de eliminação dupla modificado os jogadores de melhor campanha tinham uma grande vantagem, sendo eliminados apenas na segunda derrota, uma a mais do que os competidores de pior campanha. Romão e Carvalho se enfrentaram na partida mirror e o brasileiro se vingou da derrota na fase anterior com um 2-0, avançando para a grande final.

Em baixo Burchett batalhou numa partida difícil contra Cuneo, mas acabou obtendo a vitória nas partidas pós-sideboard, 2-1. Em seguida enfrentou Carvalho e pôde justificar a troca de deck, já que o Mono-Red Aggro tem uma disputa favorável contra os Vampiros. Assim, teve bastante facilidade para avançar para a grande final com um 2-0.

Na última partida Romão teria a desvantagem e teria que se esforçar para não sofrer o mesmo destino de Carvalho. E foi exatamente o que ele fez, contando com a sorte para jogar sua única cópia de Vona, Açougueira de Magan no deck principal e o poder de Vínculo com a Vida contra o deck de Burchett para vencer os jogos 1 e 3 e se sagrar campeão da Divisão Pérola.

 

Como prêmio Carlos Romão avança direto para o Dia 2 de competições do Campeonato Mítico V, parabéns ao jogador! A próxima divisão será a Divisão Esmeralda com as partidas todos contra todos durante a semana e transmissão do Top 4 no sábado, dia 17 de agosto, no canal oficial do Magic na Twitch.

O Valor de Commander 2019

Todas as cartas dos decks pré contruídos de Commander 2019 já foram revelados assim como as listas para os decks Fúria Impiedosa, de combinação Rakdos e comandado por Anje Falkenrath, Intelecto Místico, de combinação Jeskai e comandado por Sevinne, the Chronoclasm, Ameaça Sem Rosto, de combinação Sultai e comandado por Kadena, Slinking Sorcerer, e Gênese Primitiva, de combinação Naya e comandado por Ghired, Conclave Exile.

Como de costume em cada lançamento de produto da Wizards, assim que as cartas iam sendo reveladas a comunidade debatia sobre o valor que estaria dentro de cada caixa, desde reprints necessários a possíveis novas staples para o formato. O Commander é um dos mais, se não o mais popular formato de Magic e tem uma incrível influência no preço das cartas no mercado secundário, o que mais que justifica o interesse.

Quanto aos reprints Commander 2019 não foi o set que alguns jogadores esperavam, transbordando de staples em todos os decks, mas fez um bom serviço no geral. Cartas como Musa Nascida da Semente e Tentação da Descoberta estavam num patamar próximo de U$10,00 e são reprints muito bem vindos devido a alta demanda. Além disso outras cartas que são basicamente pilares do formato também recebem nova impressão, como Simulacro Solene e Anel Solar. Enquanto os decks não têm nenhum reprint com valor absurdo eles têm boas inclusões na faixa de U$2,00-U$5,00.

Quanto a possíveis novas staples temos alguns candidatos. Dockside Extortionist surge como uma forma de aceleração de mana na cor Vermelha que pode gerar um número incrivel de Tesouros a depender de qual fase do jogo for conjurado, já que artefatos e encantamentos são basicamente onipresentes no Commander. Outro destaque vai para Leadership Vacuum que dá ao Azul uma forma sólida de remover comandantes além de dar ao formato como um todo maneira de lidar com comandantes que têm algum tipo de proteção, como Uril, Espreitador das Brumas ou comandantes com Parceiro.

Finalmente temos os novos comandantes, que, a depender dos decks que incentivam no formato, podem acumular bastante valor, como foi o caso de Yuriko, a Sombra do Tigre na coleção passada. Neste departamento, como sempre, estamos bem servidos. As novas criaturas lendárias são muito interessantes seja por simples força bruta, caso de K'rrik, Son of Yawgmoth, ou por fomentar decks interessantes como Atla Palani, Nest Tender.

De forma geral Commander 2019 tem o potencial para apresentar um bom valor e ser um bom produto para o formato. De fato faltam aos decks cartas que têm o valor muito elevado e clamam por um reprint, mas inserí-las neste tipo de produto, que também tem função introdutória, acarretaria a situações em que os decks são comprados em alta demanda pelos reprints que contém e acabam não chegando aos jogadores que realmente queiram usá-los. A mensagem que a Wizards manda é que esse não é o lugar para esse tipo de reprint, mas qual seria esse lugar ainda é incerto.

Commander 2019 será lançado dia 23 de agosto.

Hogaak Continua Implacável

Em mais um fim de semana de competições no Modern Hogaak, Arisen Necropolis continua seu domínio sobre o formato e conseguiu 5 dos lugares no Top 8 do GP Minneapolis. Nesse ponto a maioria dos jogadores concorda que o deck é o melhor no formato e também que é poderoso demais e cada vez menos jogadores estão escolhendo lutar contra ele e cada vez mais escolhendo se juntar a ele.

Ainda há um ponto de divergência, no entanto, sobre qual seria a melhor versão do deck. A versão Jund que chegou ao Top 8 do Campeonato Mítico IV continua muito popular, mas está abrindo espaço para uma versão 4 Cores que usa Azul e tem sido chamada de Crab Hogaak por usar Caranguejo de Edro

De todo modo tanto os jogadores que estão surfando essa onda  quanto os que buscam as alternativas estão crentes que um banimento deve ocorrer e desta vez o próprio Hogaak, Necrópole Erguida pode receber o martelo. O fato é que quase ninguém mais espera que o formato se adapte e que o deck regrida em popularidade.

Chris Clay se une ao Gods Unchained

Fechando com uma nota um pouco menos relacionada ao Magic, Gods Unchained anunciou que Chris Clay é uma nova adição à equipe do jogo. Clay foi diretor do Magic Arena e trabalhava na plataforma desde 2016, mas no fim de maio deixou seu trabalho Wizards de forma amigável, reforçando que "Ver [o Magic Arena] crescer... foi um dos pontos altos de sua carreira". Ele foi substituído por Jay Parker na função de diretor do jogo.

Gods Unchained é um Trading-Card-Game digital descentralizado e se destaca por ser baseado em block-chain, com a premissa de que os jogadores possam trocar e vender suas cartas com o mesmo senso de propriedade de cartas físicas.

Isso coloca fim a mais um Boletim dos Artesãos. O que você achou de Commander 2019? Qual a melhor carta inédita e reprint? E o que você achou da vitória do brasileiro Carlos Romão na MPL? Sinta-se livre para nos contar usando a seção de comentários. Você também pode nos alcançar por nossa página no Facebook ou Twitter. Obrigado pela leitura.

Thiago Santos dos Artesãos do Magic

Comentários

lfgcampos comentou em 14/08/2019 04:57

A final entre Carlos Romão e Autumn Burchett pode ser assistida no youtube!
https://www.youtube.com/watch?v=B65MEeu_U7U