Report do Regional de Pokémon TCG - PlusPower

Escrito por PlusPower
Publicado em 22/05/2019
376 Visualizações, 0 Comentários.

Fala galerinha! Aqui é o Alex Silva e sejam muito, mas muito bem-vindo a mais um artigo para o MYPCards, o seu portal de troca de cartas!

No último final de semana (18 e 19 de março), aconteceu o Regional de Pokémon TCG, em São Paulo. Esse torneio foi muito importante, pois marcou o início da validade da nova coleção SM10 – Elos Inquebráveis!

Ele foi vencido pelo jogador mexicano Pablo Meza com uma incrível lista de Reshiram & Charizard-GX.

 

Eu também participei deste campeonato e consegui terminar em quinto lugar com o baralho de Ultra Zapdos. Desta forma acumulei CPs suficientes para me manter entre os melhores da América Latina!

Hoje eu vou apresentar a lista que utilizei, fazer um pequeno report e dar a minha opinião sobre Ultra Zapdos no atual formato.

Escolha do baralho

Eu joguei muito tempo de Zoroark-GX (inclusive, ele foi o responsável pelos meus melhores resultados nesta temporada) e cogitava utilizá-lo no Regional de São Paulo. A minha lista estava consistente e conseguia bater todos os baralhos do formato até SM9. Eu pensava que SM10 não impactaria tanto o formato e que com poucas mudanças seria mais do que possível anular Reshiram & Charizard-GX.

Eu estava completamente enganado e a minha teoria veio por terra quando comecei a explorar SM10. Não havia para onde correr, ou você se prepara contra Reshiram & Charizard-GX ou você se prepara contra Pikachu e Zekrom-GX. Ambos ao mesmo tempo é impossível. Depois de alguns poucos testes, abandonei a ideia de jogar de Zoroark-GX e fui procurar um substituto (foi mal Zoro, xD).

Existem alguns princípios que sigo quando vou escolher um baralho para utilizar, alguns deles são:

  • Consistência (fazer frequentemente as mesmas jogadas);
  • Adaptabilidade (fornecer caminhos alternativos para chegar à vitória);
  • Estar bem posicionado no meta (no caso, seria ter boas partidas contra os Pokémon-GX Aliados);
  • Sentir-me confortável com o baralho.

Depois de fazer as minhas considerações, percebi que Ultra Zapdos preenchia todos os requisitos que julgo essenciais e, então, comecei a me preparar.

Testei algumas listas e cartas novas, tanto a Kartana-GX quando a Kartana pareciam promissoras, mas se mostraram desnecessárias conforme me aprofundei nos testes. Pheromosa & Buzzwole-GX me saltou aos olhos com sua capacidade de comprar prêmios adicionais com seu ataque GX, todavia, abrir com ele na mão inicial significava derrota contra qualquer Pokémon-GX Aliado, por isso resolvi removê-lo. Cogitei utilizar Jolteon-GX para conseguir “snipar” os Pokémon do oponente, porém, logo desisti. O Mew já estava na minha lista de cartas a serem testadas e, no conjunto da obra, parecia mais promissor que Jolteon-GX como “sniper” e ainda vinha com o bônus me proteger contra “sniper” ou “spread”. Como utilizava Jirachi, eu queria alguma carta para buscar energia no baralho, estava em dúvida entre Inquieteco de Energias ou Loto Energia, no final das contas, descobri outra carta mais poderosa e com função similar: a Montanha Trovejante ◇. Na prática, ela “fornecia” energia, descartava outro estádio em jogo, vinha através da habilidade do Jirachi e ainda criava a possiblidade de jogadas anteriormente inacessíveis, como Tapu Koko-GX por apenas duas energias ou Zapdos de graça! Depois de muito testar e experimentar, a minha lista ficou bem parecida com a do Top 4 no Internacional de Berlim 2019 (Ondrej Skubal)!

 

O Mew foi a inclusão final, poucos dias antes do evento houve um hype no Weezing e precisava ter alguma resposta na partida. Naquele momento, o Mew parecia o mais promissor e, por isso, resolvi utilizá-lo.

Resumo das partidas

Pokémon-GX Aliados

A disputa entre Pokémon-Regular e Pokémon-GX já não é algo muito justo no Pokémon TCG, contra os Pokémon-GX Aliados, a vantagem de fornecer um prêmio torna-se ainda mais avassaladora. Graças à massiva presença de modificadores de dano (Faixa da Escolha, Eletropoder e Santuário da Punição) é facilmente possível nocautear um Pokémon-GX Aliado em dois ataques de Zapdos ou do Buzzwole (quando seu bônus de dano está ativado). Para finalizar, o baralho conta com Nihilego e Tapu Koko-GX.

Zoroark-GX

Posso dizer que é uma partida equilibrada, mas com vantagem para Zoroark-GX. O grande vilão é o Muk de Alola, já que sua habilidade impede a utilização da habilidade do Jirachi. O alto HP do Zoroark-GX associado ao efeito curativo de Acerola também representam um problema. A melhor estratégia é abusar do Buzzwole (quando seu bônus de dano está ativado) para nocautear os Zoroark-GX e "caçar" os Pokémon básico no banco do oponente com o Zapdos. As Zebstrika também dão um fôlego adicional para tentar contornar o Muk de Alola.

Ultra Malamar

Aprendi da pior maneira possível que Ultra Malamar sofre contra variações de Zapdos (foi no Top 32 do Internacional da Austrália, cuja derrota para Zapdos me removeu do Top 8 daquele evento). O segredo da partida está em nocautear um Pokémon primeiro e, depois, controlar o número de Pokémon de baixo HP em seu campo para evitar o ataque GX do Ultra Necrozma-GX e perder múltiplos prêmios em um único turno, mantendo para si a vantagem do primeiro prêmio adquirido. Feito isso, a partida entra num modo automático e previsível, no qual a falha em um nocaute define o rumo de jogo para ambos os lados.

Mirror/Baralhos de atacante regulares

Mirror é mirror, quem nocautear primeiro e manter o fluxo de nocaute ganha. O mesmo se aplica a Blacephalon e demais atacantes regulares.

Weezing

Bad match do baralho, mesmo com o Mew a situação é complicada. O melhor caminho e abusar da velocidade do Zapdos e ganhar a partida antes de perder. Tapu Koko-GX é um excelente atacante nesta partida, uma vez que é difícil nocauteá-lo e ainda consegue nocauter Weezing com apenas um ataque sem precisar de modificadores de dano.

Controle

Outra bad match do baralho. A melhor chance é tentar um donk no começo do jogo utilizando a habilidade do Marshadow para interferir na mão inicial do oponente.

carta Marshadow

Torneio

1º Dia

  1. Reshizard - Image result for yes icon
  2. Pikarom - Image result for yes icon
  3. Zoroark-GX - Image result for yes icon
  4. Pikarom - Image result for yes icon
  5. Reshizard - Image result for yes icon
  6. Reshizard - Image result for yes icon
  7. Weezing -
  8. Zoroark-GX - Image result for no icon
  9. Ultra Malamar - Image result for yes icon

Top 32

  1. Reshizard - Image result for yes icon
  2. Ultra Zapdos -
  3. Ultra Malamar - Image result for yes icon
  4. Zoroark-GX - Image result for yes icon
  5. Zoroark-GX -

Top 8

  • Zoroark-GX - Image result for no icon

 

Resultado final: 10 vitórias, 2 derrotas e 3 empates.

Consegui ficar em 5º lugar porque havia passado em segundo no corte para o Top 8, assim somei mais 100 CPs que me ajudarão na disputa pelo Top 8 do Latam. Sobre o baralho, acredito no seu potencial, ainda mais devido a grande popularidade dos Pokémon-GX Aliados. Faria apenas uma única mudança no baralho, que seria a inclusão da quarta cópia do Jirachi (sua habilidade é crucial durante todo o jogo, especialmente, no começo, portanto, justifica a inclusão). O que remover? Ainda não sei, vou fazer uns testes finais e esperar o formato se estabilizar um pouco mais!

Image may contain: 1 person, smiling

Ficamos por aqui, muito obrigado por ter lido, um abraço e até mais!

Comentários