Banlist 2019: O que muda agora?

Escrito por CyberseTeamBR
Publicado em 29/01/2019
554 Visualizações, 1 Comentários.

E ai galera, tudo bem com todos? Se você não vive dentro de uma caverna já deve saber que recentemente saiu a mais nova Banlist para o novo formato do TCG, que começou a ser válida a partir de ontem (28 de Janeiro) e que promete dar algumas diferenças significativas no Meta, mas sem mudar o seu núcleo de Decks. Normalmente, as pessoas analisam carta por carta e o motivo delas estarem na Banlist, mas dessa vez resolvemos inovar e mostrar Deck por Deck, o impacto que a Banlist causou, e quais são os ganhos e as perdas para esse Deck. Tá preparado? Então vamos para o Test Drive!

 

Sky Striker

Sky Striker para a surpresa de muitos, passou ileso na lista. Com cerca de 6 meses no jogo era esperado ao menos um novo Hit em seu Deck, mas isso não aconteceu e ele provavelmente vai continuar como o Deck mais forte do formato até a Forbidden List de Abril (quando provavelmente deve ser hitado). Em contra-partida, os outros Decks do Meta receberam a Eradicator Epidemic Virus, um poderoso counter contra esse Deck, que pode destruir todas as Spells na mão ou no campo durante 3 turnos, mas nada que seja impossível de se combater. Na opinião de Fernando Lucas, o criador de conteúdo do nosso canal no YouTube, é esperado cerca de 20 à 25% desse Deck nos Top 16 dos grandes torneios.

Thunder Dragon

Um Deck que perdeu muito e ao mesmo tempo ganhou foi o Thunder Dragon. A lista não afetou as cartas do Deck em si, mas afetou totalmente a Engine que tornava possível o uso da variável Thunder Dragon Combo do Deck. Basicamente, esse Deck consistia em usar o efeito da Cauda de Fadas - Neves para banir 7 cartas da mão ou do Cemitério e a Invocá-la. Seu efeito em si já era irritante, podendo colocar um monstro com a face para baixo no campo em ambos o turno, mas o maior problema era triggar 7 efeitos dos Thunder Dragons ou de outras cartas banidas e fazer um enxame no campo. E isso tudo isso era possível usando a Fusão Brilhante, enviando-a para o Cemitério para Invocar a Gem-Knight Seraphinite do Extra Deck. Agora a Cauda de Fadas foi banida e a Fusão Brilhante limitada. Isso impactou diretamente 80% de todos os Decks Thunder Dragon que estavam topando no formato atual, mas não matou a versão pura do Deck, que apesar de ter sofrido com a limitação da Gold Sarcophagus ganhou um novo suporte indireto na Savage Strike, o Aloof Lupine, que quando Invocado, bane 1 monstro na mão e um do mesmo Tipo do Deck, trigando dois efeitos. Além disso, Thunder Dragon também é um dos Decks que ganhou muito com a chegada da Eradicator Epidemic Virus e agora tem uma grande vantagem numa Match contra Altergeist ou Sky Striker.

 

Altergeist

Altergeist é outro Deck que não recebeu nenhum tipo de hit na Banlist, e se aproveita muito bem disso. Altergeist, apesar de ser um Deck bem forte e consistente, nunca tinha conseguido ser muito relevante em grandes torneios, normalmente sempre parando entre os Tops 16 ou 32. Isso porquê ele tinha uma Match bem ruim contra Sky Striker, Thunder Dragon e Dark Warrior. Agora com o enfraquecimento dos outros núcleos do Meta, é esperado que esse Deck, juntamente com Sky Striker possam dominar um pouco mais o formato (numa briga acirrada com Thunder Dragon, que continua forte). Porém "o pau que dá em Chico dá em Francisco", e do mesmo jeito que o Virus pode parar Spells, ele também pode fazer o mesmo com Trap Cards, o que seria altamente prejudicial para o Deck. De acordo com Fernando Lucas "o Deck vai ganhar mais notoriedade nesse formato, chegando a ter 10% dos Tops 16 dos torneios, e posteriormente, na Banlist de Abril ser afetado pela Banlist".

Dark Warrior

Aqui está o Deck que sem dúvida mais sofreu com a Banlist como um todo. O Number 86: Heroic Champion - Rhongomyniad, Number 42: Galaxy Tomahawk e o Topologic Gumblar Dragon, seus principais monstros de Extra Deck foram banidos, mas isso foi muito justo. De acordo com Fernando Lucas "cartas que não te deixam jogar ou te dão uma vantagem absurda, devem ser banidas", e foi exatamente isso que aconteceu. O Rhongomyniad não dava a possbilidade para que o oponente pudesse jogar Yu-Gi-Oh, pois o privava de fazer Invocações-Normais ou Especiais, se tornava inafetado por efeitos, com 3000 de ATK e DEF, e era um Raigeki ambulante, destruindo todas as cartas do oponente uma vez por turno. O "x" da questão é que ao mesmo tempo que em formatos anteriores essa carta era irrelevante, nesse formato ela ganhou notoriedade graças a sua facilidade de Invocação e por consequência, criou problemas para o jogo.

O Gumblar também era uma outra carta usada nesse mesmo Deck, que sozinha descartava 4 cartas do oponente pro Cemitério, limitando todos os seus recursos. Além de não poder fazer Invocações e ter suas cartas destruídas, ele ficava com apenas 1 carta na mão para tentar o improvável comeback. Normalmente sempre protegido pelo Knightmare Cerberus e Knightmare Phoenix, ele não podia ser destruído por batalhas ou por efeitos. Um campo inquebrável, mas que a Banlist fez a questão de quebrar. O mesmo acontecia com o Tomahawk, que apesar de não ser um hit esperado, se tornou uma carta extramemente "quebrada" no formato, com sua capacidade de Invocar 5 Tokens, e sendo genérico, era um criador de Links sozinho. Mesmo motivo pelo que a Soul Charge foi banida, por Invocar mútiplos monstros do Cemitério e ser um extensor de jogadas perfeito, mas com vantagens absurdas.

Ainda de acordo com Fernando Lucas "a limitação do Dark Grepher tira um pouco da consistência do Deck, mas o Deck continua com o potêncial de fazer alguma coisa, o único problema é achar essa coisa." Os jogadores vão ter que se virar para achar uma outra maneira de fazer o Deck jogar, um novo foco, seja em Extra Link ou usando outros Xyz. Talvez o Deck fique focado em fazer coisas diferentes do que já vistas, podendo se tornar um Deck OTK, ou um Deck de controle, usando como base cartas como Naturia Beast ou o Naturia Exterio em conjunto com o recém limitado Cyber-Stein. O Deck vai tirar "férias" por um tempo, mas é provável que volte num futuro próximo.

Cyber-Stein FTK

Talvez o "erro" dessa Banlist tenha sido trazer o clássico Cyber-Stein de volta. Ele é uma carta super arriscada que ao custo de 5000 LP Invoca por Invocação-Especial praticamente QUALQUER Monstro de Fusão do seu Extra Deck. Mas é claro que os jogadores achariam um jeito de abusar disso. Com os perigosos monstros Dangers no formato, qualquer FTK se torna extremamente consistente, e ai está um grande problema. Com sua Engine de swarm e compra, todas as cartas necessárias para o combo se completam, e sem gastar nem sua própria Normal Summon. Depois de encher o campo, você Invoca o Saryuja Skull Dread, e compra mais 4 cartas (claro, retorna 3 pro Deck para serem compradas de novo). Ai você Invoca o Cyber-Stein pelo efeito do Link e continua enchendo o campo com Dangers. Usa o Saryuja e qualquer outro monstro para fazer o Reprodocus e transformar o Cyber-Stein em um monstro Psychic. Depois disso, é só equipá-lo com a Telekinetic Charging Cell e você não precisa mais pagar pontos de vida para ativar seu efeitos. E com o spam de Dangers ainda continuando, você faz outro Saryuja, compra mais 4 cartas e abre 3 novas zonas pra Invocações. Ai é só abusar do efeito do Stein, Invocar Fusões de Nível 10 e usá-las como matéria pra trazer o Superdreadnought Rail Cannon Gustav Max e causar 4000 de dano ao oponente, depois usar todos os monstros para trazer outro Saryuja e continuar Invocando, mas dessa vez o famoso Blaze Fenix, the Burning Bombardment Bird, que causa 300 de dano para cada carta em campo. Com 3 cópias disso, serão 900 para cada carta, incluindo os 3, o que já totaliza por si só 2700 de dano, e com o Cyber-Stein, Telekinetic e Saryuja em campo, são mais 2700 de cada um. Um Deck consistente, que pode trazer problemas para o jogo.

Nekroz Impcantation

Assim como toda Banlist, essa também tem o seu lado comercial. Com reprints confirmados na Power Box, o Deck Nekroz finalmente voltou a ser um "Deck", com sua principal carta, o Shurit, Strategist of the Nekroz sendo limitado e o poderoso Nekroz of Brionac sendo liberado a 3 cópias. O impacto disso no Meta não vai ser grande, mas se bem jogado esse Deck pode até se tornar um Rogue, pois possui ótimas Matchs contra os Decks do Meta atual. Ganhou muita presença de campo graças aos Impcantations, que cairam como uma luva para qualquer Deck Ritual. A build mais comum, a Nekroz Impcantation utiliza os dois Arquétipos, além de usar o Zaborg, o Mega Monarca para enviar cartas do próprio Extra para o Cemitério, que buscam cartas, destroem cartas do oponente e reciclam seus recursos. Além disso, indo primeiro, o Deck pode dar um poderoso Lockdown, usando o Vanity's Ruler para impedir que o oponente faça Invocações-Especiais. Sem dúvida um Deck para ficarmos de olho no formato atual, mas que dificilmente vai chegar a vencer um grande torneio, mas que vez ou outra pode aparecer num Top 16 ou Top 32.

Outras Mudanças

A lista também teve outras pequenas mudanças, de grande maioria irrelevantes. Porém a principal dessas mudanças foi a liberação da Interrupted Kaiju Slumber de volta à 3. Essa é uma carta que pode ter um impacto no meta, e até mesmo Decks como Crusadia podem aumentar seu poder de fogo. É uma das principais Counters contra os principais Decks do jogo, e ainda por cima é uma buscadora de Kaijus, o que é um motivo de preocupação para o oponente, que vai ter que jogar muito bem para se livrar de eventuais problemas. Além disso, a Limiter Removal voltou à 3 também, o que pode ser um indício que o próximo Deck Máquina, que vai chegar no The Infinite Chasers, e que tem uma mecânica OTK já revelada, seja um dos novos Metas do jogo daqui a 3 meses. Shaddoll também contou com a limitação do El Shaddoll Construct, mas dificilmente terá alguma grande relevância no formato.

Att, Cyberse Team BR!

Comentários

Mentore comentou em 29/01/2019 23:34

Eu senti muito com o impacto da banlist... Pois eu usava 2 Fairy Tail - Snow no meu LS (Lightsworn) e BA (Burning Abyss) e, Soul Charge. Agora vou ter um excenente motivo para mecher nos meus decks.